4 de junho de 2009

Até que o sol não brilhe, acendamos uma vela na escuridão.

Nenhum comentário: